Bula do Vasclin (Antiagregante Plaquetário)

VasclinBula do VASCLIN®:
mononitrato de isossorbida + ácido acetilsalicílico
Cápsulas
USO ORAL

 

USO ADULTO

 

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÕES
Cápsulas com 40 mg de mononitrato de isossorbida e 100 mg de ácido acetilsalicílico. Embalagem com 30 cápsulas.
Cápsulas com 60 mg de mononitrato de isossorbida e 100 mg de ácido acetilsalicílico. Embalagem com 30 cápsulas.

 

COMPOSIÇÃO
Cada cápsula de VASCLIN® 40 + 100 contém:
mononitrato de isossorbida……………………………………………………………………….. 40,00 mg
ácido acetilsalicílico…………………………………………………………………………………. 100,00 mg
excipientes q.s.p…………………………………………………………………………………….. 1 cápsula
(lactose, ftalato de hipromelose e sacarose)
Cada cápsula de VASCLIN® 60 + 100 contém:
mononitrato de isossorbida…………………………………………………………………………. 60,00 mg
ácido acetilsalicílico………………………………………………………………………………….. 100,00 mg
excipientes q.s.p……………………………………………………………………………………… 1 cápsula
(lactose, ftalato de hipromelose e sacarose)

 

INFORMAÇÕES AO PACIENTE
COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?
VASCLIN® é um medicamento que possui em sua formulação duas substâncias ativas, o mononitrato de isossorbida e o ácido acetilsalicílico.
O mononitrato de isossorbida exerce efeito vasodilatador nas veias periféricas e nas arteríolas. Como consequência, ocorre redução da pressão sanguínea, diminuindo a demanda por oxigênio. Ocorre também diminuição da resistência vascular pulmonar.
O ácido acetilsalicílico exerce ação antitrombótica, inibindo a atividade das plaquetas.
VASCLIN® apresenta-se na forma de cápsulas com microgrânulos gastrorresistentes de ácido acetilsalicílico e microgrânulos de dissolução programada de mononitrato de isossorbida, permitindo que seja tomado em uma única dose ao dia. O início de ação do mononitrato de isossorbida é gradual (cerca de 30 minutos) e os efeitos persistem por até 12 horas.

 

POR QUE ESTE MEDICAMENTO FOI INDICADO?
VASCLIN® é indicado para profilaxia e tratamento de angina (dor no peito), isquemia miocárdica (diminuição do fluxo de sangue para o coração) e como antiagregante plaquetário (impede a ligação de uma plaqueta na outra, prevenindo a obstrução dos vasos sanguíneos pela formação de coágulos no sangue).

 

QUANDO NÃO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
Contraindicações

 

Você não deve utilizar VASCLIN® nas seguintes condições:

Doença ou insuficiência cerebral, incluindo hemorragia e ferimentos na cabeça.

Problemas vasculares, baixa pressão sanguínea (hipotensão) e diminuição do volume do sangue (hipovolemia).

Doenças hemorrágicas e úlcera péptica (lesão no estômago ou no intestino).

Alergia ou história de alergia a qualquer componente da formulação.

Uso de inibidores da fosfodiesterase para disfunção erétil (como sildenafila) nas últimas 24 horas (vide “Interações com outros medicamentos, alimentos e testes laboratoriais”).

 

Advertências e precauções
Avise seu médico em caso de gravidez ou se estiver amamentando e se tiver aumento do tamanho do coração ou outros problemas cardíacos.
VASCLIN® deve ser utilizado com cautela nos casos de infarto do miocárdio, sempre a critério médico. O uso de nitratos nessa situação clínica está contraindicado nos casos de infarto do ventrículo direito, devido aos riscos de hipotensão.
Avise seu médico se você sofre de asma, problemas no fígado ou se tem úlceras.
Se você tem problemas nos rins ou no fígado, glaucoma (aumento da pressão interna do olho), hipotireoidismo (redução do funcionamento da glândula tireoide) ou algum problema de desnutrição, converse com seu médico, informando-o a respeito dessas condições.
Alguns medicamentos que tratam dores no peito (do tipo angina) muitas vezes podem causar dores de cabeça. Essas dores de cabeça são um sinal de que o medicamento está agindo. Não interrompa o tratamento ou mude o horário de tomada para evitar essas dores de cabeça. Se você apresentar dores fortes, converse com seu médico a respeito.
Esse medicamento pode deixar você com tontura, evite dirigir, operar máquinas ou exercer alguma atividade que seja perigosa se você não estiver alerta. Você pode sentir tontura ao se levantar, procure fazê-lo lentamente.
Não pare de tomar o medicamento repentinamente sem consentimento de seu médico. Você pode necessitar reduzir as doses gradativamente até a parada total.

 

Atenção: este medicamento contém açúcar, portanto, deve ser usado com cautela em portadores de diabetes.
Cada cápsula de VASCLIN® contém 0,2 g de sacarose.
Interações com outros medicamentos, alimentos e testes laboratoriais
Muitos medicamentos podem afetar a ação de VASCLIN® ou serem afetados por ele se usados ao mesmo tempo, como por exemplo: anti-hipertensivos (verapamil), anticoagulantes, valproato sódico, fenitoína, hipoglicemiantes orais, metoclopramida, sulfonamidas, metotrexato, corticosteroides, anti-inflamatórios não esteroidais (AINES), diuréticos (furosemida, hidroclorotiazida, clortalidona), probenicida e sildenafila.
Caso você tencione utilizar sildenafila ou seus análogos (medicamentos indicados para o tratamento da disfunção erétil ou impotência sexual), deve suspender o uso de VASCLIN® com 24 horas de antecedência, reintroduzindo-o 24 horas após.
O álcool potencializa o efeito hipotensor de VASCLIN®, de modo que você deve evitar a utilização de bebidas alcoólicas enquanto estiver fazendo uso de VASCLIN®.
Risco de uso por via de administração não recomendada: este medicamento deve ser administrado somente pela via recomendada. Não há estudos dos efeitos se administrado pelas vias não recomendadas. Portanto, por segurança e para eficácia deste medicamento, a administração deve ser feita apenas por via oral.

 

Grupos de risco
Gravidez e lactação
Não existem estudos adequados com VASCLIN® em mulheres grávidas. Não utilize sem o consentimento do seu médico.
Informe ao seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término.
Informe ao médico se está amamentando.
Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.

 

Lactação: não se sabe se ocorre passagem dos componentes de VASCLIN® para o leite materno. Por outro lado, o ácido acetilsalicílico presente em VASCLIN® pode estar associado ao risco potencial de eventos adversos. Assim, o médico deverá decidir entre interromper a amamentação ou suspender o tratamento com VASCLIN® considerando a relevância do medicamento para a mãe e o risco potencial para a criança. Outras formas de amamentação são recomendadas.

 

Uso pediátrico: a eficácia e a segurança da utilização de VASCLIN® em crianças e em adolescentes não foram estabelecidas.

 

Uso em idosos: VASCLIN® poderá ser usado em pacientes acima de 65 anos de idade desde que observadas as contraindicações, precauções, interações medicamentosas e reações adversas deste medicamento.
Pacientes com insuficiência renal ou hepática: deve-se utilizar VASCLIN® com cautela em pacientes com insuficiência renal ou hepática.
Este medicamento é contraindicado a crianças e adolescentes com menos de 18 anos de idade.
Informe ao médico ou cirurgião-dentista o aparecimento de reações indesejáveis.
Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.
Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

 

COMO DEVO USAR ESTE MEDICAMENTO?
As cápsulas de VASCLIN® são transparentes e contêm microgrânulos brancos e granulado cristalino.
Tome uma cápsula pela manhã ou a critério médico com uma quantidade suficiente de líquido, preferencialmente sempre no mesmo horário.
Esquecimento de dose (dose omitida): se você se esquecer de tomar uma dose, procure tomá-la assim que possível. Se estiver próximo ao horário da dose seguinte, despreze a dose esquecida e volte ao seu esquema normal. Não tome duas doses ao mesmo tempo.
Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.
Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.
Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.
Este medicamento não pode ser partido ou mastigado.

 

QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE CAUSAR?
Avise seu médico sobre a ocorrência destas reações:

Coceira ou inchaço no rosto ou nas mãos, formigamento na boca ou na garganta, sensação de aperto no peito e dificuldade para respirar.

Lábios ou ponta dos dedos azulados e dificuldade para respirar.

Vertigem contínua ou severa, delírio ou desfalecimento (desmaio).

Batimento cardíaco fraco e aumento de dor no peito.

Palpitação, dor de cabeça severa ou contínua, confusão mental, febre baixa e dificuldade visual.

Dor de estômago severa, vômito com sangue, sangue nas fezes ou na urina.

Zumbidos no ouvido.
Se você apresentar estes efeitos menos sérios, avise seu médico: náusea, vômito, transpiração, rubor facial; desconforto ou azia no estômago.
Se você sentir outros efeitos que você acha que podem ser devido a este medicamento, comunique ao seu médico também.

 

O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA GRANDE QUANTIDADE DESTE MEDICAMENTO DE UMA SÓ VEZ?
Em caso de ingestão de uma grande quantidade de VASCLIN®, consulte seu médico ou procure um pronto-socorro levando a bula deste medicamento.

 

ONDE E COMO DEVO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO?
Este medicamento deve ser conservado em temperatura ambiente, entre 15°C e 30°C, protegido da luz e umidade.
As cápsulas de VASCLIN® devem ser mantidas em sua embalagem original até o momento da administração.
O prazo de validade de VASCLIN® é de 24 meses após a data de fabricação impressa no cartucho (embalagem externa).

 

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

 

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.
MS nº: 1.0033.0091
Farmacêutica responsável: Cintia Delphino de Andrade – CRF-SP nº: 25.125
LIBBS FARMACÊUTICA LTDA.
Rua Raul Pompeia, 1071 – São Paulo – SP
CEP: 05025-011
CNPJ: 61.230.314/0001-75
UNIDADE EMBU: Rua Alberto Correia Francfort, 88
Embu – SP – CEP: 06807-461
CNPJ: 61.230.314/0005-07
INDÚSTRIA BRASILEIRA
www.libbs.com.br
Data de fabricação, lote e validade: vide cartucho.
VASC_2A
Página 10